Quinta, 17 Outubro 2019

area de serviço 2 - Conto Erótico Gay - PT Gay - Comunidade Gay de Encontros. Amor entre Homens

publicar um anuncio grátis no pt gay

             

Comunidade Gay

Comunidade Gay de Encontros

Registe-se gratuitamente na nossa comunidade e aceda a todos os anúncios de encontros gay e aos perfis dos nossos membros.

Atenção: A nossa Comunidade Gay de Encontros é restrita a Homens que procuram outros Homens online.


Ao registar-se dispõe de um painel de administração pessoal onde pode adicionar e gerir número ilimitado de anúncios e interagir entre os vários membros da comunidade.

  • Crie o seu perfil personalizado (fotografias e dados)
  • Editar o seu perfil a qualquer momento, actualizando fotografias e dados
  • Inserção de número ilimitado de anúncios
  • Gestão total dos seus anúncios (poderá editar os seus anúncios sempre que desejar)
  • Ler e responder a e-mails de membros
  • Caixa de Mensagens
  • Lista de membros On-Line
  • Ligações entre membros
  • Envie mensagens privadas, e muito mais...

Faça parte da comunidade do PTGAY.NET

A nossa comunidade está a crescer! Membros da Comunidade de Encontros Gay

Encontros Gay VIP

Encontra outros homens que procuram encontros e procuram uma relação gay ...

Já não precisas de ficar sozinho. Encontra um parceiro através da nossa pesquisa avançada e começa a conhecer novas pessoas.

Procuras uma amizade, namorado, companheiro, encontro, ou uma relação séria, estás no síte certo! No PTGAY VIP facilmente encontras aquela pessoa que tanto procuras. Descobre as vantagens do PTGAY VIP:

  • Tecnologia Speedflirt
  • Chat e Webcam
  • Messenger software
  • Pesquisa detalhada
  • Plataforma inovadora

Regista-te gratuitamente e conhece os membros que já se encontram registados no PTGAY VIP.

Não percas mais tempo. Registo Grátis. Satisfação garantida!

 
 
area de serviço 2 - Conto Erótico Gay

Este relato continua exactamente após a estranha ocorrência na área de serviço. No dia a seguir ganhei coragem e mandei uma sms para o número do homem do wc, identifiquei-me como o rapaz que ele conheceu na manha do dia anterior, e ele logo viu quem eu era. Entre muitos elogios da parte dele fomos trocando informações e nos conhecendo melhor.

Passamos quase a noite em branco a trocar sms. No dia a seguir ligou-me a convidar-me para um café, mas tive de recusar. Mas ainda me mandou uma foto do seu cu, que apesar de nao fazer o meu género, despertou em mim uma vontade enorme de o inundar de leite! Não resisti e convidei-o para nos encontrar-mos de novo, ele aceitou todo contente. Combina-mos para o mesmo sítio, a mesma hora no próximo domingo. No dia combinado la fui, ta tudo muito calmo, entrei no wc que parecia deserto, tentei espreitar por baixo das portas das cabines mas era difícil pois as portas chegavam ao chão. Liguei pro telemóvel dele, ao que ele rejeitou a chamada, e logo me voltou a ligar por um segundo e desligou. Nisto abriu-se a porta da última cabine...

Era ele, espreitou pra fora, e com um sorriso colocou um dedo sobre o lábio superior pedindo pa não fazer barulho e chamou-me para dentro com o dedo. Entre e ele trancou a porta rapidamente. Desta vez vinha vestido com fato-de-treino azul e ténis. Agarrei-o por detrás enquanto trancava a porta e encuchei-o. Rocei com força no seu cu por cima da roupa, fico imediatamente com uma tesão doida. Ele apoia-se no jarro da sanita, empinando o cu, não resisto e tiro a t-shirt e desaperto as calças rapidamente, puxo as dele pra baixo e depois as suas slipes brancas revelando o cu daquele homem de 40 e tal anos. Cuspi-lhe pro cu, escorrendo pelo seu rego peludo, rapidamente coloco o preservativo e deslizo meu pau de cima pra baixo e baixo pra cimo no rego, afasto-lhe a nádega e aponto mesmo ao buraquinho que não ofereceu grande resistência, engolindo a cabeça do meu pau. Tirei e voltei a meter, à terceira investida tinha o pau todo dentro ate aos tomates. E tentando ser silenciosos iniciávamos um vai-e-vem, cada vez mais rápido.

Tava a ficar difícil não fazer barulho, em cada estocada o barulho notava-se e ele dificilmente controlava os seus gemidos, mas tudo revelava que estávamos sozinhos, ou pelo menos assim aparentava. Agarrei-o em volta da sua cintura, sentido uma barrinha já avantajada e acabei por perceber que ele tinha o pau dele todo duro. E ali inclinados sobre a sanita, balançávamos pa frente e para trás. Tirava o pau todo fora e enterrava-o todo de novo, o seu buraquinho estava bem abertinho. Meti-o todo dentro ate ao talo e mantive-o lá, apertando com força lá pa dentro, sentido os meus testículos a serem espremidos, e volto ao vai-e-vem. Cada vez mais rápido, esquecendo que estava num local publico. Sinto sua respiração a ficar mais pesada, e seu corpo a tremer, quando ouso o sou de algo a cair na sanita.

Ele tinha acabado de se vir directamente pa sanita sem sequer se tocar, e nisto a mão dele escorrega e acaba por accionar o autoclismo, assustando-me imenso fazendo-me da um pulo pra trás. Ele levanta-se e limpa o pau, tira as calças e slipes e pendura-as, agarra-me pela cintura e senta-me na sanita, agarra-me no pau e encaixa-se em cima de mim. Abraça-se a mim, apertando minha cara contra seu peito enquanto sobe e desce em mim. Passa as mãos pelo meu cabelo... Reparo que sua barriga é maior do que parecia antes. Ele, de olhos fechados, mordendo e lambendo os lábios pulava com tudo, sentindo todo seu peso nas minhas pernas.

O seu cuzinho deslizava sem piedade, enquanto lhe apalpava as nádegas. Sinto que estou quase a vir-me, inclino a cabeça pra tras e quando estou quase a largar os primeiros jactos e a soltar um gemido forte sou interrompido pelo barulho da porta a abrir, ele tapa-me a boca com força, abafando o meu orgasmo. Explodi, agarrado com força aquele homem, enchendo o preservativo de esporra, enquanto do outro lado da porta alguém urinava. Mantivemo-nos assim agarrados em silencio, no colo um do outro, enquanto os últimos jactos de esperma pulam pro preservativo.

O homem que urinava la acabou e saiu. Levantamo-nos, ele passou papel higiénico pelo cu e vestiu-se. Tirei o preservativo, atei-o e atirei-o pra sanita. Aproveitou e ainda deu umas breves chupadas no meu pau, e limpou os cantos da boca enquanto eu me vestia. Destrancou a porta, deu-me um beijo rápido nos lábios e saiu. Tranquei a cabine de novo e esperei um pouco. Ouvia a torneira da agua a correr e em breve ele saiu. E logo de seguida a porta abriu-se de novo, alguém entrou e urinava. Esperei que esse alguém termina-se e sai-se pa eu sair. Passei agua pela cara e mãos e parti para casa

 

Comentários  

 
+2 #1 Carlos35 17-09-2011 17:23
E Continua?
 

Voce não tem permissões para colocar comentários. Para enviar o seu comentário necessita de estar registado no PTGay.net

PT Gay VIP

Registo Easy Anuncios

Se ainda não é membro registe-se através deste formulário:

 
 

Últimos Anúncios

Membros VIP do PT Gay

rss ptgay twitter pt gay facebook pt gay

Receba os novos anúncios no seu email:

As Minhas Mensagens

Não se encontra autenticado

Faixa publicitária

Últimos Comentários

  • Sou da Lourinhã. Passivo. Interessado? Mais...
  • Olá. adiciona me no skype di-caldeira_ Mais...
  • Oi. Sou da Maia e tenho . Se quiseres manda mensag... Mais...
  • estou enteressado Mais...
  • eu Mais...
  • Olá bom dia adoro sexo. Mais...
  • Ola. Meu email navigatorpt. ate breve, Srnhor Mais...
  • Olá João! Eu gostava de experimentar mamar e ser m... Mais...